De Fadas, Feiticeiras, Ciganas é o sangue que me nutre...

De Fadas, Feiticeiras, Ciganas é o sangue que me nutre...

sábado, 12 de novembro de 2011

Adote um Adulto

Bom dia! Adorei esse texto...
Adote um adulto e ensine a ele coisas que ele já esqueceu.
Você pode adotar seu pai, mãe, tio, um amigo virtual, namorado, adote quem vc quiser!

O importante é encontrar alguém que precise, ser adotado, precise voltar a ser criança.
COMO ESCOLHER?
Humm!!! é fácil reconhecer os adultos que mais precisam ser adotados: eles costumam ser: ranzinzas, mal-humorados e cheios de coisas para fazer.
São sérios demais, vivem reclamando do que fazem, não gostam de barulho, de música ou de coisas inesperadas.
Odeiam surpresas e geralmente não gostam de comer doces ou andar descalços.
Aposto que conhecemos muitos assim ...

O QUE FAZER?
Depois que tiver escolhido, chegue perto, de mansinho e, com muita paciência, vá ensinando a ele como ser criança outra vez.
Faça um lindo desenho e dê a ele de presente.
Ensine-o a fazer as nuvens crescerem (na imaginação), aprender a gostar de carinho
(comece com 1, 2, 3 beijinhos, beijo é bom !!), a acreditar em anjos, dragões (conte-lhes uma história aonde ele será o herói, e matará o dragão feroz que existe dentro dele) a chupar pedrinha de gelo, a olhar o céu, desejar que os sonhos deles virem algodão doce, só por um momento ...
O importante, será não desistir ... e lembre-se, o que é fácil para nós, pode ser difícil para eles.
Muitos esqueceram a criança que existe dentro de cada um ...


Beijos!
Share |

Um comentário:

  1. Boa Tarde! Amei o post!(aliás, como sempre)Concordo com o texto, pois todas as tentativas são válidas. Digo por experiência própria. Tive o privilégio de conviver com pessoas assim e o pouco que pude passar fez a diferença. Sempre peço a Deus para que mantenha a chama de "fazer a diferença" acessa eternamente em minha vida. Vou compartilhar no face. Parabéns pela luz que acabou de acender... Tenha um lindo domingo!!!!!!!! bjs

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Flores de Lis... prá você!