De Fadas, Feiticeiras, Ciganas é o sangue que me nutre...

De Fadas, Feiticeiras, Ciganas é o sangue que me nutre...

sábado, 11 de dezembro de 2010

Cigano


Cigano é o canto do homem
Andarilho dança entre fogos
Percorre caminhos
Pelas linhas da sorte
Das mãos que conduzem
Dos pés que acompanham
O grito é altivo
Daqueles que não temem
E seguem a labuta...

Cigano é sonho
De todas as gentes
Viajam sem freios
Levando saudades
Bagagem sem peso
Sob às linhas da memória
Em noite de lua cheia
Promessas ao léu
Aos pés do destino.

(Cassiano Santos Cabral)

Share |

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita! Flores de Lis... prá você!